FECHAR
Popup
 
 
 

O QUE FAZER QUANDO MEU FILHO ESTÁ COM NOTAS BAIXAS?

14.Novembro.2018
 
Compartilhe

Muitas crianças e jovens possuem dificuldades para obter bons resultados no desempenho escolar. Isso se dá por diversos motivos, como: distrações, indisciplina, para chamar a atenção, pelas tensões da fase ou pela simples falta de aptidão para alguns temas/matérias, afinal, muitas pessoas não possuem habilidade para acompanhar com facilidade determinados conteúdos.


Isso é natural, mas assim como na vida, sabemos que nem sempre lidaremos apenas com o que gostamos ou temos mais facilidade, é importante passar esse valor desde cedo para os estudantes.

Independentemente de qual for o motivo que leva seu filho a não obter os resultados almejados, é muito importante se manter próximo a ele para identificá-los. Dessa forma, fica mais fácil tratar e incentivar para que se alcancem as metas das boas notas e do desenvolvimento intelectual correspondente ao ano em curso.

Essa identificação exige bastante atenção tanto do colégio quanto dos pais. Um esforço em conjunto para auxiliar a criança ou o jovem é essencial para sua evolução.

# Conheça bem seu filho

Pode parecer óbvio que, pelo simples fato de serem pais, se conhece bem a "cria", mas nem sempre é assim. Você sabia que nem todos os pais possuem profundo conhecimento de como são seus filhos? Esse não é um bom cenário, mas é preciso tomar conhecimento dele se assim o for. Pais também não são perfeitos, mas quando se propõem a se dedicar na criação e educação dos filhos isso já é um excelente começo.

Presença é essencial para conhecer melhor seus filhos e até para acompanhar suas mudanças, serem respeitados e ouvidos por eles. Se um pai não é presente, saiba que em algum momento, alguém tomará esse lugar, pois as crianças e os jovens precisam de referências. 

Melhor que sejam as suas do que as de qualquer outra pessoa que encontrem pelo caminho (pessoas boas ou ruins). Então, sempre que possível, propicie momentos de lazer em família, converse, brinque, esteja por perto, aconselhe. Nesses momentos é possível alimentar ainda mais o elo e a amizade com os filhos.


A partir do momento que você se torna presente, isso também aumenta a confiança de seu filho em você. Com esses espaços, ele poderá compartilhar diversas situações da vida, inclusive as relacionadas aos estudos. E você como pai/mãe e com experiência de vida poderá orientá-lo melhor.

# Filhos não são perfeitos

É comum ver pais que depositam muitas expectativas nos filhos. Isso não ocorre em todos os casos, mas ainda assim ocorre bastante. É preciso equilíbrio. Não apenas cobrar, mas incentivar. Ensinar. Olhar além das notas ruins o que leva seu filho a esse desempenho. Será que ele está em um bom colégio? Será que ele está sofrendo alguma questão psicológica que o atrapalhe? Será que ele precisa estudar mais? Fazer aulas de reforço? 

Esses pontos devem sempre ser analisados pelos pais e pelo corpo docente. Nesse aspecto, as reuniões de pais e mestres são essenciais. Os filhos não são perfeitos, por isso é tão essencial esse equilíbrio em sua educação. Nem cobrar demais, nem proteger demais a ponto de ignorar seus pontos fracos e mal acostumá-los.


# Diálogo em primeiro lugar

Não é só você que fica tenso quando as notas do seu filho são ruins. Seja por realmente se preocuparem com o próprio desempenho ou por se preocuparem somente com a bronca chegando em casa, a criança/adolescente também absorve tensão.

A primeira coisa a fazer quando as notas que chegarem forem ruins é conversar sobre o assunto. Avaliar caso a caso para tomar as melhores decisões do que fazer. Por isso que entender as duas etapas anteriores é essencial, para saber qual caminho percorrer. 

Conhecer seu filho, entender que ele não é perfeito e ter esse elo forte com o colégio e principalmente os professores, te ajudará a saber qual conduta tomar.


Gostou das orientações?

Aqui no Colégio Divino Salvador trabalhamos assim, sempre valorizando a ligação entre pais e mestres para contribuir com a evolução dos alunos. Incentivamos o diálogo, temos psicólogas à disposição para trabalhar aspectos emocionais que possam impactar nos resultados. Damos total respaldo por meio do nosso corpo docente. 

Faça uma boa escolha para seu filho. Traga ele para o Colégio Divino Salvador. Aguardamos sua visita, estamos de portas abertas para apresentar nossos métodos de ensino.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
Contato
  • Unidade Jundiaí

    (11) 4588-1365
    divino@divinojundiai.com.br
    Rua Gen. Carneiro, 105 - Vila Arens Il
    Jundiaí/SP
  • Unidade Itu

    (11) 4013-6570 / 4022-7161
    colegio@divinoitu.com.br
    Praça Divino Salvador – Jd Paraíso I
    Itu/SP
 
 
Copyright © Colégio Divino Salvador. Todos os direitos reservados